Autor Tópico: [D&D Next] Impressões Iniciais do Basic  (Lida 43622 vezes)

0 Membros e 2 Visitantes estão vendo este tópico.

Re:[D&D Next] Impressões Iniciais do Basic
« Resposta #270 Online: Julho 31, 2014, 11:22:32 am »
Citar
A wizards devia seguir o exemplo da blizzard: se eles dessem ouvidos aos saudosistas, diablo 3 seria diablo 2 apenas com gráficos melhores

A Wizards fez isso e se chama D&D 4e. A edição que hoje ela faz o máximo possível (e com motivos bastante razoáveis) para fingir que não existiu. 
« Última modificação: Julho 31, 2014, 12:38:36 pm por Evola »

Re:[D&D Next] Impressões Iniciais do Basic
« Resposta #271 Online: Julho 31, 2014, 01:29:17 pm »
E saiu um preview do Bárbaro.

Mais uma vez, bem parecido com o que foi visto no Alpha Draft do PHB. O detalhe fica por conta da ilustração que ficou muito boa.  :)

Offline Heitor

  • Demagogo
    • Ver perfil
Re:[D&D Next] Impressões Iniciais do Basic
« Resposta #272 Online: Julho 31, 2014, 01:35:18 pm »
Agora algumas coisas parecem ficar mais claras. E é meio decepcionante.

Eu já tinha lido sobre esse Zak S. É difícil compreender como teve gente que deu moral ao ponto dele ter essa influência toda.

Re:[D&D Next] Impressões Iniciais do Basic
« Resposta #273 Online: Julho 31, 2014, 02:50:46 pm »
Não me admira esse esforço todo da equipe de design do D&D em tornar o jogo mais atrativo para o pessoal do movimento Old School.

Encaremos a realidade: foi-se o tempo em que os grognards eram só uns punhados de velhos que jogam AD&D 1ª edição desde a década de oitenta, que só fazem reclamar e ninguém dá ouvidos.

Antes da quarta edição existia meio que uma tendência entre os jogadores de sair de uma edição antiga e ir para a nova sempre que saísse uma nova edição de D&D. Claro que sempre houveram jogadores que não aderiam às novas edições e ficavam com as mais antigas. Só que eles eram a grande minoria e ninguém dava muito ouvidos a eles.

A grande maioria migrava de edição, mesmo que estivesse contente com as antigas, na tentativa de ter um jogo ainda melhor.

Com o advento da 4ª edição, uma grande parcela do público ficou desapontada e não migrou para o sistema ou desistiu dele depois de jogá-lo por pouco tempo. Só que o grupo que não migrou ficou dividido: uma parte ficou na 3.x com os livros antigos ou Pathfinder, e outra parte, depois de verificar que não ia mais acompanhar a onda de seguir a versão mais recente, resolveu voltar para as versões ainda mais antigas que lhe divertiram tanto no passado.

Só que esse pessoal não voltou para AD&D e anteriores calado. Começaram a difundir textos daqueles grognards que ninguém dava ouvidos no passado ou então eles mesmos começaram a publicar textos afirmando como redescobriram o prazer de jogar RPG após reler os livros básicos de AD&D.

E foi assim que o famigerado movimento Old School ganhou força. Hoje em dia, a coisa tomou proporções tão grandes a ponto de ter gente iniciada com a 3ª edição se afirmando como Old School e jogando atualmente com uma Rules Cyclopedia do Basic D&D.

Pra se ter uma ideia, esse movimento fez tanto barulho lá fora que foi importado até para o Brasil. Chega a ser irônico ver ex-jogadores de D&D 3.x e 4ed se afirmando como Old School e fãs de AD&D ou Basic D&D na blogosfera brasileira - jogos que já existiam bem antes da época em que eles estavam por aí felizes jogando as edições mais recentes.

Por tudo isso a Wizards of The Coast começou a voltar os seus olhos em relação aos grognards e tem feito um grande esforço para agradá-los, afinal uma boa parcela dos que se afirmam como Old School hoje em dia eram seus consumidores até 2008, pouco tempo atrás.

Offline MaNdRaK

  • Num sabia que dava pra trocar o nome!
    • Ver perfil
Re:[D&D Next] Impressões Iniciais do Basic
« Resposta #274 Online: Julho 31, 2014, 03:57:49 pm »
Não me admira esse esforço todo da equipe de design do D&D em tornar o jogo mais atrativo para o pessoal do movimento Old School.

Encaremos a realidade: foi-se o tempo em que os grognards eram só uns punhados de velhos que jogam AD&D 1ª edição desde a década de oitenta, que só fazem reclamar e ninguém dá ouvidos.
...

Por tudo isso a Wizards of The Coast começou a voltar os seus olhos em relação aos grognards e tem feito um grande esforço para agradá-los, afinal uma boa parcela dos que se afirmam como Old School hoje em dia eram seus consumidores até 2008, pouco tempo atrás.

(click to show/hide)

Cara, eu não fui pra 4a edição. Eu até queria mas o grupo resistiu pacas e ficamos na 3e mesmo. Não me considero um grognard por isso (talvez eu seja), mas me interessei pela quinta.

Lendo o seu post percebi que eu talvez seja O exemplo estatístico do acerto da WoTC.  :hum:

Notem que ainda não li nenhum material. Eu acompanho as discussões de vcs aqui, mas propositalmente não abri nenhuma imagem sequer de livro nenhum. Nessa edição, eu quero me deixar ser surpreendido pelo que vier. Acho que agora estou me considerando um experimento, hahahha.

Confesso que tem sido difícil aguentar a curiosidade, mas a possibilidade de ter uma boa nova edição me fez acalmar a perereca  ^_^

Um dia conto pra vcs como foi levar essa 5a edição pro grupo, e como foi a reação do grupo de controle.

Re:[D&D Next] Impressões Iniciais do Basic
« Resposta #275 Online: Julho 31, 2014, 04:12:32 pm »
A Wizards fez isso e se chama D&D 4e. A edição que hoje ela faz o máximo possível (e com motivos bastante razoáveis) para fingir que não existiu. 

Isso só quando se trata dos combatentes  :P

Na verdade nego não se importa se as regras são novas ou antigas, desde que os conjuradores continuem sendo deuses e os combatentes apenas macacos segurando pedaços de metal afiado
« Última modificação: Julho 31, 2014, 04:24:10 pm por Voltaire »
War never changes

Re:[D&D Next] Impressões Iniciais do Basic
« Resposta #276 Online: Julho 31, 2014, 05:09:37 pm »
Citar
Não me admira esse esforço todo da equipe de design do D&D em tornar o jogo mais atrativo para o pessoal do movimento Old School.

Encaremos a realidade: foi-se o tempo em que os grognards eram só uns punhados de velhos que jogam AD&D 1ª edição desde a década de oitenta, que só fazem reclamar e ninguém dá ouvidos.

Eu duvido consideravelmente disso - o movimento OSR é tão ou mais marginal do que seu antagonistas Forgistas e do RPG-as-Story. Eles podem ser igualmente vocais, mas eu não vejo nenhum motivo para acreditar que eles sejam algo sequer comparável aos defensores de D&D 3.X (Seja o original, seja Pathfinder) - até mesmo 13th Age deve ter mais impacto em D&D Next do que OSR.

E um sistema onde Conjuradores tem magias sem limites, não correm riscos de ficar sem recursos, onde métodos de cura são incrivelmente abundantes dentro e fora de combate (algo que nem a 4e Era, Cura em Combate não era fácil) a ponto da aventura do Starter Set gerar reclamações pelo excesso de Cura, onde não há monstros incrivelmente letais que você tenha que fugir ao invés de combate e onde efeitos Save or Die ou Save or be Cursed Forever praticamente não existem não é algo que eu chame de "Old School". É preciso ser bastante crédulo na Wizards of the Coast para considerar Next algo remotamente similar a isso - o mesmo grau de credulidade necessário para achar que o "Módulo de Combate Tático" trará combatentes decentes.  :P

Citar
Chega a ser irônico ver ex-jogadores de D&D 3.x e 4ed se afirmando como Old School e fãs de AD&D ou Basic D&D na blogosfera brasileira - jogos que já existiam bem antes da época em que eles estavam por aí felizes jogando as edições mais recentes.

O mais engraçado é ver alguém se denominar Old School Gamer sem ter passado por uma Red Box, Rules Cyclopedia ou mesmo um Blue Book do AD&D 2e, assumindo que o Old School Revival recria toda a experiência deles.

Sem contar que o discurso OSR está se misturando por essas bandas com o discurso Teatralista que você encontraria no final dos anos 90/Começo 00, gerando uma cria exótica entre alguém que quer reviver um estilo de jogo (que praticamente não existiu por aqui) com o discurso que quis sepultá-lo.  :P

Re:[D&D Next] Impressões Iniciais do Basic
« Resposta #277 Online: Julho 31, 2014, 07:47:17 pm »
Eu duvido consideravelmente disso - o movimento OSR é tão ou mais marginal do que seu antagonistas Forgistas e do RPG-as-Story. Eles podem ser igualmente vocais, mas eu não vejo nenhum motivo para acreditar que eles sejam algo sequer comparável aos defensores de D&D 3.X (Seja o original, seja Pathfinder) - até mesmo 13th Age deve ter mais impacto em D&D Next do que OSR.

Quanto aos americanos, realmente eu não tenho certeza, pode ser que lá eles sejam apenas uma minoria barulhenta mesmo. Mas é de se estranhar esse marketing todo que a Wizards fez em cima da venda de pdfs dos livros antigos e a enxurrada de material OSR que foi lançado nos últimos anos. Por mais que eles ainda sejam minoria, não me parecem estar em tão pouco número como acontecia há uns oito anos atrás.

E ao menos aqui no Brasil, a quantidade de pessoas que aderiu ao Old School foi bem expressiva. Porém, como você bem apontou no seu post, o movimento aqui foi deturpado em relação ao Old School lá de fora.

Citar
E um sistema onde Conjuradores tem magias sem limites, não correm riscos de ficar sem recursos, onde métodos de cura são incrivelmente abundantes dentro e fora de combate (algo que nem a 4e Era, Cura em Combate não era fácil) a ponto da aventura do Starter Set gerar reclamações pelo excesso de Cura, onde não há monstros incrivelmente letais que você tenha que fugir ao invés de combate e onde efeitos Save or Die ou Save or be Cursed Forever praticamente não existem não é algo que eu chame de "Old School". É preciso ser bastante crédulo na Wizards of the Coast para considerar Next algo remotamente similar a isso - o mesmo grau de credulidade necessário para achar que o "Módulo de Combate Tático" trará combatentes decentes.  :P

Concordo com você, apesar da política simpática a esse grupo adotada pela Wizards of The Coast,  a 5ª edição realmente não é Old School e o principal público alvo dela são os fãs da 3.x mesmo -embora ela tenha adotado elementos da 4E e uma ou outra coisa do AD&D pra tentar atrair também os fãs dessas outras edições.

Inclusive, tem um texto de um blog OSR brasileiro que constata exatamente isso, que embora os designers tenham prometido a possibilidade de se emular um estilo de jogo similar ao das edições antigas com o Basic D&D da 5ª edição, não foi isso que se observou no material disponibilizado.

Aliás, pra quem não sabe, esse blogueiro brasileiro é um exemplo daquele jogador que citei no meu outro post: aquele que era feliz com a 4E até uns 3-4 anos atrás e hoje em dia é um fã fervoroso do AD&D 1E/Basic D&D/0D&D.

Cara, eu não fui pra 4a edição. Eu até queria mas o grupo resistiu pacas e ficamos na 3e mesmo. Não me considero um grognard por isso (talvez eu seja), mas me interessei pela quinta.

Lendo o seu post percebi que eu talvez seja O exemplo estatístico do acerto da WoTC.  :hum:

Você e seu grupo fazem parte da parcela mais numerosa de jogadores de D&D da atualidade: os que preferem a 3.x. Justamente por esses jogadores serem a maioria, são eles o principal público alvo desse novo D&D.

Curiosamente, aqui neste fórum esse pessoal é minoria, pois a maioria aqui prefere a 4E, mas a realidade lá fora é bem diferente. Quem quiser comprovar isso, basta dar uma olhada nos grupos de RPG que existem pelo facebook.

Citar
Notem que ainda não li nenhum material. Eu acompanho as discussões de vcs aqui, mas propositalmente não abri nenhuma imagem sequer de livro nenhum. Nessa edição, eu quero me deixar ser surpreendido pelo que vier. Acho que agora estou me considerando um experimento, hahahha.

Confesso que tem sido difícil aguentar a curiosidade, mas a possibilidade de ter uma boa nova edição me fez acalmar a perereca  ^_^

Um dia conto pra vcs como foi levar essa 5a edição pro grupo, e como foi a reação do grupo de controle.

Pelo perfil do teu grupo, fãs da 3.x que não aderiram à 4E, a tendência é que vocês gostem da nova edição.

Geralmente quem não está gostando da 5E ou é fã da 4E ou é jogador OSR, daqueles que jogam a primeira edição de AD&D ou afins.

Citar
O mais engraçado é ver alguém se denominar Old School Gamer sem ter passado por uma Red Box, Rules Cyclopedia ou mesmo um Blue Book do AD&D 2e, assumindo que o Old School Revival recria toda a experiência deles.

Sem contar que o discurso OSR está se misturando por essas bandas com o discurso Teatralista que você encontraria no final dos anos 90/Começo 00, gerando uma cria exótica entre alguém que quer reviver um estilo de jogo (que praticamente não existiu por aqui) com o discurso que quis sepultá-lo.  :P

Exatamente, tanto está misturado com o discurso teatralista que chegaram ao ponto de afirmar que Dungeon World -um RPG nitidamente narrativista- proporciona uma experiência Old School com mecânicas modernas.  :haha:

E eu que achava necessário um grid e miniaturas para se representar uma experiência de jogo típica do Basic D&D...  XD

Re:[D&D Next] Impressões Iniciais do Basic
« Resposta #278 Online: Julho 31, 2014, 08:16:58 pm »
Citar
Exatamente, tanto está misturado com o discurso teatralista que chegaram ao ponto de afirmar que Dungeon World -um RPG nitidamente narrativista- proporciona uma experiência Old School com mecânicas modernas.

Essa forma de aliança, entre Narrativismo e algo similar a OSR não é algo tão estranho assim, já que o Narrativismo é também uma resposta às promessas Teatralistas, além de ambos serem muito simpáticos a jogos sandbox-ish. Eu e o silva escrevemos algo sobre isso aqui e aqui.

Citar
embora ela tenha adotado elementos da 4E e uma ou outra coisa do AD&D pra tentar atrair também os fãs dessas outras edições.

Touché, eu mesmo superestimei (em outro post) os elementos da 4e em Next. O que a Wizards faz tanto com OSG quanto Jogadores da 4e é o que se chama de Throw the dog a bone.

Citar
E eu que achava necessário um grid e miniaturas para se representar uma experiência de jogo típica do Basic D&D...

O que leva a outro erro comum quando se trata de D&D Antigo - apesar das acusações frequentes desde o tempo em que Vampiro: a Máscara era novidade na qual D&D não passava de um boardgame/wargame requentado, feito para vender miniaturas de Chainmail, basta apenas olhar para a Redbox e ler isso na capa dela: This game requires no board because the action takes place in the player's  imagination.

(click to show/hide)
« Última modificação: Julho 31, 2014, 11:12:19 pm por Evola »

Offline Atmo

  • Observe as estrelas, mas não largue seu coração
    • Ver perfil
    • Atmoland
Re:[D&D Next] Impressões Iniciais do Basic
« Resposta #279 Online: Julho 31, 2014, 10:28:05 pm »
Narrando:
OVA: The Anime Role-Playing Game, 3D&T, Double Cross.

Jogando:
D&D 5e T.T

Offline Heitor

  • Demagogo
    • Ver perfil
Re:[D&D Next] Impressões Iniciais do Basic
« Resposta #280 Online: Julho 31, 2014, 10:59:11 pm »
Um manual do circuito de jogo organizado? O que tem de incomum?

EDIT: me ocorreu agora uma coisa. E o Neverwinter?

O jogo é fortemente baseado na 4e, e acho difícil que façam mudanças técnicas pra deixá-lo mais próximo da nova edição. Ele vai estar envolvido no Tyranny of Dragons, sim, mas e depois? Com a tendência atual de convergência de mídias, é meio discrepante múltiplos rulesets de D&D em atividade. Mas seria coerente com o "jogue a edição que quiser" dos últimos D&D Encounters.

Outra possibilidade é dar um revamp no DDO. Já trouxeram um pouco de Faêrun pra ele em uma atualização, então eu não duvidaria.

Talvez possa sair também novos jogos singleplayer, mas com algum componente multiplayer online de pequena escala, como era o plano original do NW.

« Última modificação: Julho 31, 2014, 11:17:00 pm por Heitor® »

Re:[D&D Next] Impressões Iniciais do Basic
« Resposta #281 Online: Julho 31, 2014, 11:51:52 pm »
Citar
EDIT: me ocorreu agora uma coisa. E o Neverwinter?

Que eu saiba (eu nunca joguei ou me interessei por ele), Neverwinter é apenas levemente inspirado na 4e e usa Forgotten Realms ambientado pós-Spellplague, mas o próprio jogo parece que sofrerá mudanças, ao menos em seu "Lore" para acomodar o Sundering e a série Tyranny of Dragons:

« Última modificação: Julho 31, 2014, 11:55:12 pm por Evola »

Re:[D&D Next] Impressões Iniciais do Basic
« Resposta #282 Online: Agosto 01, 2014, 11:44:17 am »
EDIT: me ocorreu agora uma coisa. E o Neverwinter?

Considerando que eu era jogador de DDO na época que a 4e saiu: a mesma dúvida apareceu na época. DDO prosseguiu firme e forte como um jogo baseado na 3.5, mas os elementos novos que foram adicionados começaram a mostrar alguns elementos da 4e, como os meio-elfos terem habilidades "dilettante", e a adição de Epic Destinies para os níveis épicos.

Eu acho que Neverwinter deve tratar a edição nova de forma similar.


Vendo meus mangás
"O problema da internet é que nenhuma frase é creditada corretamente."
-Dom Pedro I

Re:[D&D Next] Impressões Iniciais do Basic
« Resposta #283 Online: Agosto 02, 2014, 07:57:21 pm »
Zak S, eu já conheço de outros carnavais... Completo babaca, ala Cassaro.

Eu queria uma segunda opinião sobre esse artigo escrito pelo RPGpundit, só para ter certeza que não entendi errado...


http://therpgpundit.blogspot.com.br/2014/08/rpgs-you-should-look-at-if-you-care.html
« Última modificação: Agosto 02, 2014, 07:59:20 pm por Hikaru »

Offline Heitor

  • Demagogo
    • Ver perfil
Re:[D&D Next] Impressões Iniciais do Basic
« Resposta #284 Online: Agosto 02, 2014, 08:35:59 pm »
Zak S, eu já conheço de outros carnavais... Completo babaca, ala Cassaro.

Eu queria uma segunda opinião sobre esse artigo escrito pelo RPGpundit, só para ter certeza que não entendi errado...


http://therpgpundit.blogspot.com.br/2014/08/rpgs-you-should-look-at-if-you-care.html

Uau, ele fez um jabá-manifesto!

Inclusive tem um personagem entre os heróis que é transgênero. Reparem que é bem fácil notar qual é.