Autor Tópico: Academia / Dietas / Saúde  (Lida 5295 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Re:Academia/Dietas/Saúde
« Resposta #15 Online: Julho 19, 2013, 12:47:13 am »
Eu nunca entendi porque as pessoas pagam para fazer esforço...  :P

E que mal tem em ser robusto? Eu por exemplo, peso 108kg e acho pouco! (já as cadeiras de plástico, acham muito...)  :P
De boas, pela carreira que eu escolhi posso parecer hipócrita, até confesso que já fui muito paranoica com essa merda, mas hoje eu prefiro pessoas que comam bem. Comam doces, salgados, frituras, fastfood e tudo que há de bom e não saudável nessa vida.
Ruiva da Spell

Raposas Selvagens do Condado de Fox.
Todos nós usamos máscaras. Algumas tão fixadas na alma que se confundem com a face.
O importante é não esquecer da pessoa que a usa.

Re:Academia/Dietas/Saúde
« Resposta #16 Online: Julho 19, 2013, 07:30:16 am »
Comer essas coisas é muito bom, Noara.
Não tiro sua razão. O problema é que não é uma questão de querer ser um daqueles chatos "geração saúde" e sim se preocupar com a própria saúde.
Adoro uma coxinha, batata frita, batia cartão no BK e Mc Donald's... mas quando começa a faltar pique para tudo, não se consegue dar uma corridinha sem ficar de língua de fora e talz é porque o corpo já não aguenta mais o ritmo de sedentarismo e comidas não saudáveis apenas.
Micro Máfia Resident Evil chegando!

Offline AwfulNeutral

  • Fórum? Em pleno século 2019?
    • Ver perfil
Re:Academia/Dietas/Saúde
« Resposta #17 Online: Julho 19, 2013, 08:42:41 am »
Eu sempre fui o típico magro-de-ruim. Comia pouca coisa saudável e muita, muita porcaria, e minha saúde sempre seguia inabalada, forma física idem. Tenho 1,73m e minha média de peso era 60kg.

Faz uns três ou quatro anos que a curva começou a subir, mesmo eu mudando pouco meus hábitos alimentares. Talvez por passar mais tempo fora de casa e comer mais na rua, estudar num lugar que tinha uma máquina de refrigerantes que vendia coca a 1,50 :linguinha:, ou talvez até possa ter tido relação com um remédio que eu tomei por um tempo, ou talvez tenha sido só o fato de eu deixar de ser novinho. Hoje estou parado em 90kg e preso numa rotina que não me deixa tempo de fazer nada de exercícios físicos (trabalho das 8h às 18h, faculdade das 19h30 às 23h). Só agora nas férias é que eu arranjei tempo pra fazer natação, três vezes por semana, mas ainda assim fiquei quase duas semanas sem ir por diversos motivos, inclusive de saúde.

Agora criei um hábito alimentar horrível - embora eu tenha ao menos regulado meu cronograma de refeições, meu prato de almoço não fica abaixo de 400g e carregado de coisas gordurosas; sem contar alguma porcaria que acabo comendo na faculdade -, difícil de mudar porque sempre foi assim, com pouco tempo para dormir (porque eu sei que isso conta) e nenhum tempo para fazer as atividades físicas requeridas.

Pelo menos minha namorada diz que me prefere assim do que magrelo. :linguinha:

Offline Barão

  • Darin @truismer
    • Ver perfil
Re:Academia/Dietas/Saúde
« Resposta #18 Online: Julho 19, 2013, 08:54:51 am »
Eu tbm sou intolerante à lactose, mas é quase impossível ficar sem comer sem. Fui tão ignorante que acho que estou voltando a ter resistência (Isso mais alguns problemas que estão me deixando com intestino preso), mas para mim seria impossível viver sem glúten. Eu já cozinho muito em casa, por falta de opção de coisa boa e barata, mas me consome muito tempo, que eu não queria estar gastando cozinhando. Além disso, tudo que eu como que tem glúten é importante por outros aspectos, então não é muito uma opção.

Re:Academia/Dietas/Saúde
« Resposta #19 Online: Julho 19, 2013, 09:20:14 am »
Eu tbm sou intolerante à lactose, mas é quase impossível ficar sem comer sem.

Talvez seja uma questão do local onde você vive. Aqui em Florianópolis existem muitas opções, tanto em supermercados quanto em lojas de produtos naturais. Exige procura e paciência para encontrar produtos, mas já encontrei até picolé de chocolate sem lactose por aqui.

Citar
Fui tão ignorante que acho que estou voltando a ter resistência (Isso mais alguns problemas que estão me deixando com intestino preso), mas para mim seria impossível viver sem glúten. Eu já cozinho muito em casa, por falta de opção de coisa boa e barata, mas me consome muito tempo, que eu não queria estar gastando cozinhando. Além disso, tudo que eu como que tem glúten é importante por outros aspectos, então não é muito uma opção.

Se você realmente tem intolerância à lactose e isso é um fator genético, não é possível desenvolver resistência. O que pode ter acontecido é que você não era intolerante. Algumas pessoas sofrem alguma doença que afeta o sistema digestivo, o que diminui a capacidade de digerir certas substâncias. Isso é comum. Pessoas assim se recuperam com o passar do tempo. Minha irmã teve isso durante anos e depois pode voltar a comer coisas com leite normalmente.

Ou alguma outra coisa está travando seu sistema digestivo. Meu chute é que seja o glúten. Já te alerto que se você não tiver cuidado a intolerância avança para outros problemas, como intestino irritável (o que eu tenho) ou intolerância ao glúten (o que eu não tenho, ainda bem porque esse sim é um problema sério).

Quanto a alimentação,

Eu passo a maior parte do dia fora de casa, então quando cozinho a comida tende a durar. Um hábito que eu já tenho fazem muitos anos é me alimentar bem logo que acordo. Em vez de um pão com geleia ou algo do tipo, eu como algo proporcional a um almoço. Hoje foi um dia que comi pouco, por exemplo, e ainda assim foi sopa com galinha e um pedaço de pão (sem glúten). Ontem comi strogonoff de galinha (sem lactose). Começo da semana foi arroz com  almôndega.

Isso vem da época que eu fazia faculdade à noite. Como começava a trabalhar as 8h, depois o intervalo entre trabalho e faculdade era muito curto e impedia que voltasse pra casa pra me alimentar, preferi fazer uma alimentação reforçada cedo. O que diminui minha fome no resto do dia e me permitia comer menos fora de casa.

Hoje em dia minhas refeições são:
1) café da manhã com um prato de comida de bom tamanho;
2) lanche lá pelas 9h30-10h, como algumas bananas ou uma maçã junto com alguma semente;
3) almoço as 11h30-12h, onde como pouco, normalmente só salada e alguma proteína;
4) lanche lá pelas 14h30-15h, como mais alguma outra fruta;
4.1) lanche pré-academia lá pelas 18h. Se eu estiver com fome mas não for pra academia, como algo leve. Se for pra academia, pão ou frutas;
5) jantar. Se eu fui pra academia, como alguma coisa em maior quantidade. Se não fui, normalmente uma sopa ou outra coisa leve.
6) dois ou três pedaços pequenos de chocolate, pra ajudar a dormir. Uma a duas horas antes de dormir. Isso quando estou passando por um período de insônia ou tive um dia cansativo.

O que acontece é que mantenho me alimentando o dia todo, o que evita a fome. Mas a maior parte é em pequenas quantidades. Nas três refeições principais (café da manhã, almoço e janta) eu sempre como alguma proteína, mesmo em pequena quantidade, para evitar sentir fome.
Lido esse ano:
Feng Shui, Wu Xing, Blowing Up Hong Kong, MHRPG Civil War: X-Men, Shadows of Esteren, Dungeon World, 13th Age (Draft), Night's Black Agents, Pendragon 5.1, Legends of Anglerre, Hollowpoint, Planescape (caixa básica), Monsterhearts, Werewolf: DA, Player's Handbook Races: Tieflings, Apocalypse (WtA), Dragon Magazine Annual Volume 1
Atualmente lendo:
Dresden Files (FATE), Fantasy Craft, Mage 2e, In Nomine
Na fila:
REIGN, MHRPG: Annihilation, GoT RPG

Offline arghsupremo [pintobot]

  • Foto 3x4 do RG
    • Ver perfil
Re:Academia/Dietas/Saúde
« Resposta #20 Online: Julho 19, 2013, 09:27:21 am »
O que o Kimble falou de mais importante é: Sigam uma nutricionista.

Ela vai saber te explicar bem o que pode, o quanto pode e quando pode comer as coisas que vocês gostam.

Eu tava me sentindo gordo com meus 90kg (182cm), mas vocês me mostraram que eu tô bem gostoso mesmo!

Infelizmente eu só tenho tempo para jogar futebol, uma vez por semana, mas que é sagrado para mim. Todo domingo bato cartão!
"...como diria meu tio Roger MacDonald..."

Offline KYU

  • Do you know where the fuck you are?
    • Ver perfil
Re:Academia/Dietas/Saúde
« Resposta #21 Online: Julho 20, 2013, 12:20:13 am »
Eu malho 5 vezes na semana há bastante tempo já.

Meu conselho é: pra quem é gordo, pare de comer (nutricionista e afins) e vá fazer um exercício aeróbico (correr, bicicleta, perseguição de yeti, whatever). Pra quem é magro, vá à academia, malhe direito e se não tiver efeito relativo em um mês procure nutricionista pra suplementação.

Por experiência própria, academia é coisa de rotina. Eu até gosto de malhar, mas tem vezes que mesmo com desgosto eu vou. E é assim que você tem que encarar.

Offline Ciggi

  • Vénis Pagina
  • Enviado do meu PC
    • Ver perfil
Re:Academia/Dietas/Saúde
« Resposta #22 Online: Julho 26, 2013, 02:00:02 am »
Eu pensei em abrir um tópico, mas acho que o assunto pode ser posto aqui já que se fala de saúde, e qualquer coisa também só dividir a discussão!

Eu sou doador de sangue (faz um tempo que não vou lá no hemocentro pela distância na verdade). E hoje me deparei com um assunto interessante, o do cadastro para doação de medula óssea.

Ele é feito também no homocentro, tu vai levar uma picadinha de agulha pra coleta de sangue e vai pro banco de dados. Isso era algo que eu desconhecia por pura desinformação, mas já to pondo na minha agenda ir ao centro do RJ me inscrever no banco de dados e doar sangue (embora eu ache que não da pra fazer os dois ao mesmo tempo!).

Outro assunto semelhante que merece tanta ou mais importância é a de doadores de órgãos. Infelizmente não existe forma de você se cadastrar como doador de orgãos, isso depende da vontade dos seus parentes mais próximos (e pode ser inclusive o oposto da sua vontade, tu vai ta morto mesmo, quem vai reclamar?). É um assunto que deveria ser discutido com os parentes mais próximos, e um momento onde a doação não vai fazer falta alguma e vai salvar vidas, no plural, vidaS. Sei que existem organizações que agilizam isso, de forma honesta e dentro da lei. São organizações que tem os contatos e podem dar o suporte a familia na hora de doar, é um momento complicado pra qualquer um perder um parente, e mesmo que seja da sua vontade são tantas coisas a se resolver e o tempo para doação é tão curto que um grupo que te ajude a dar esses passos é importante.

Minha avó era doadora e tinha uma organização (que não lembro o nome) que tinha deixado o contato com agente pra quando fosse necessário. Infelizmente no dia esquecemos completamente e foi muito triste, porque era um dos (últimos) desejos da minha avó, e algo que ela se orgulhava de ser.

Enfim, espero que o assunto mesmo que não se prolongue possa clarear a mente de quem ainda não tinha se tocado nisso (como eu!) e que o numero de doadores aumente.

Não nasci com super poderes, então vai ser a única forma deu ser herói!

Offline Agnelo

  • Pai
  • O que se escreve num campo desses?
    • Ver perfil
Re:Academia/Dietas/Saúde
« Resposta #23 Online: Julho 26, 2013, 10:08:43 am »
Citação de: Cigano
(embora eu ache que não da pra fazer os dois ao mesmo tempo!).
Dá, eu sou cadastrado como doador de medula desde 2007, eles tiram uma mixaria do sangue da doação pra fazer esse exame.

A questão da doação de órgãos é complicada mesmo, mesmo que você deixe tudo claro para sua família e ela concorde há muitas variáveis envolvidas: de que forma se deu o óbito, onde você ficou, se há ou não condições de ser feita a doação, se há uma equipe para isso.

E tudo acontece muito rápido, é complicado.
Eu amo você. Tenho orgulho de você. Você trouxe à sua mãe e a mim mais alegria do que eu achei que houvesse. Seja bom pra ela e cuide bem dela.

Seja um dos mocinhos. Você tem que ser como John Wayne: Não aguente merda de nenhum idiota e julgue as pessoas pelo que elas são, não pela aparência.

E faça a coisa certa. Você tem que ser um dos mocinhos: Porque já existem Bandidos demais.

Offline Assumar

  • Quid inde?
    • Ver perfil
Gastos com personal trainer poderão ser deduzidos do IR
« Resposta #24 Online: Julho 29, 2013, 11:20:50 pm »
Citar
29/07/2013 - 15h42
Gastos com personal trainer poderão ser deduzidos do IR

Proposta em tramitação na Câmara inclui despesas com profissionais de educação física na base de cálculo do Imposto de Renda (IR) das pessoas físicas para fins de dedução. A medida está prevista no Projeto de Lei 5084/13, do deputado Walter Feldman (PSDB-SP).

Segundo o autor, ao permitir a dedução do IR de despesas com academias e com profissionais da educação física, a proposta estimularia hábitos de vida mais saudáveis. “Desde muito tempo, os médicos recomendam a atividade física frequente como forma de promoção da saúde”, afirma o autor.

Para Feldman, o profissional da educação física e as pessoas jurídicas prestadoras de serviços nessa área são essenciais à promoção da saúde, uma vez que cabe a eles a orientação da adequada prática do exercício.

Atualmente, de acordo com a Lei 9250/95, o contribuinte já pode deduzir da base de cálculo do IR os pagamentos efetuados a médicos, dentistas, psicólogos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, terapeutas ocupacionais, hospitais, além de despesas com exames laboratoriais, serviços radiológicos, aparelhos ortopédicos e próteses ortopédicas e dentárias.

Tramitação
O projeto será analisado conclusivamente pelas comissões de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.
Íntegra da proposta: PL-5084/2013

Reportagem – Murilo Souza
Edição – Regina Céli Assumpção

Fonte: Agência Câmara de Notícias
"Sonhos são o que temos." Jojen Reed

Re:Academia / Dietas / Saúde
« Resposta #25 Online: Julho 30, 2013, 08:22:41 am »
Aí uma coisa boa... cuidar da própria saúde é necessário para qualquer um, nada mais justo que poder deduzir no IR.
Se bem que não é qualquer um que pode pagar por um Personal Trainer...
Micro Máfia Resident Evil chegando!

Re:Academia / Dietas / Saúde
« Resposta #26 Online: Agosto 04, 2013, 11:28:24 am »
Meu treinador falou "perder 5 kg em uma semana". Well, tive uma pneumonia no meio do caminho que me atrapalhou, então consegui perder os 5 kg em duas semanas.  :victory:
Até me animei a fazer a barba para ver o rosto mais fino:

(click to show/hide)

Foda que sempre que volto pra academia, meu antebraço começa a inflar mais do que meu braço... fico me sentindo o Popeye.  :rolando:
A merda é ter que viajar a trabalho hoje... vou perder mais dias de treino, mas saber que está fazendo efeito já me deixa mais feliz. A disposição para fazer as coisas no dia a dia aumentou bastante.

O engraçado é que só diminuí as porcarias que eu comia, não cortei completamente. E mesmo assim, consegui resultado bem rápido.
Micro Máfia Resident Evil chegando!

Offline arghsupremo [pintobot]

  • Foto 3x4 do RG
    • Ver perfil
Re:Academia / Dietas / Saúde
« Resposta #27 Online: Agosto 04, 2013, 12:28:43 pm »
Tá gatão, hein?

Se eu fosse mulher gostosa e ruiva, estaria apaixonada!
"...como diria meu tio Roger MacDonald..."

Offline Afrodite

  • First born unicorn
  • Fabulous
    • Ver perfil
    • Porra, Spell!
Re:Academia / Dietas / Saúde
« Resposta #28 Online: Agosto 06, 2013, 10:55:50 am »
Qual é o melhor jeito de suplementar pra ganhar peso/massa? Eu vou começar a puxar ferro em breve e não sei por onde começar (e não vai ter personal pra me orientar).
(click to show/hide)

Re:Academia / Dietas / Saúde
« Resposta #29 Online: Agosto 06, 2013, 01:11:11 pm »
O treinador lá da academia que eu faço fala pra mandar Whey (acho que é isso) pra dentro, de maneira correta.
Procura por esse produto que é meio que famosinho entre os que querem ganhar massa.
Micro Máfia Resident Evil chegando!