Autor Tópico: Alguma vez o sistema estragou uma partida pra você ?  (Lida 51450 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Alguma vez o sistema estragou uma partida pra você ?
« Online: Outubro 12, 2012, 09:37:24 pm »
Não lembro de ter tido uma partida "estragada" pelo sistema, mas já tive várias onde a diversão veio apesar do sistema (o campeão disso pra mim foi Gurps com seu chato "combate de estátuas" e sua mecânica tão neutra e sem sabor que dava vontade de jogar ketchup no livro).

E vocês ?
The traditional playstyle is, above all else, the style of playing all games the same way, supported by the ambiguity and lack of procedure in the traditional game text. - Eero Tuovinen

Offline Barão

  • Darin @truismer
    • Ver perfil
Re:Alguma vez o sistema estragou uma partida pra você ?
« Resposta #1 Online: Outubro 12, 2012, 09:42:41 pm »
D&D, várias vezes.

Re:Alguma vez o sistema estragou uma partida pra você ?
« Resposta #2 Online: Outubro 12, 2012, 10:20:57 pm »
aquela fala chata, mas que senti vontade de fazer


"conte mais" :macaco:


Pelo menos nunca sofri desse male, ainda bem. Vai ver porque já sei como D&D (o sistema que mais jogo) funciona, que tipo de possibilidades dramáticas saíam e me aproveitava dos recursos. M&M e Marvel são sistemas bem flexíveis então não sofri com eles também.

Offline Smaug

  • [Mensagem pessoal - altere no seu perfil!]
    • Ver perfil
Re:Alguma vez o sistema estragou uma partida pra você ?
« Resposta #3 Online: Outubro 12, 2012, 10:26:33 pm »
Daemon, era um que sempre dava problemas que estragavam o jogo. Agora, por problemas você quer dizer chegar num ponto que as regras davam um nó sobre si mesmas que não tinha como continuar? Ou que elas geravam tanta discussão entre os jogadores que era melhor parar tudo? Daemon e AD&D sempre cairam no primeiro caso, nos meus grupos.
GURPS (e em menor grau Storiteller) sempre davam problemas do segundo caso, mas acho que a maioria deles era metade culpa dos sistemas, metade culpa dos jogadores que tentavam jogar tudo do mesmo jeito. POr exemplo, meu primeiro e mais duradouro grupo era formado em sua maioria por fãs de GURPS, dai eles queriam o mesmo nível de simulacionismo em D&D e Storiteller, principalmente, quando jogavam GURPS usavam todas as regras, como essas aventuras normalmente não tinham proposito algum a não ser construir personagens que conseguissem sacanear os npcs e os outros personagens jogadores (enquanto mestre criava npcs para sacanear os jogadres) o jogo travava horas por conta de discussões e consultas a livros já que ninguém queria perder (ser sacaneado) e sim sacanear o outro. Eu achava tudo isso um saco, mas não tinha outras pessoas para jogar, quando consegui outros jogadores meio que abandonei esse grupo.
This happens all the time. No matter how epic the battle, once begun, the thing sounds more or less like a bingo game: People shout out numbers and other people get excited about them.

Re:Alguma vez o sistema estragou uma partida pra você ?
« Resposta #4 Online: Outubro 14, 2012, 03:13:33 am »
Daemon também, aquele suplemento Inimigo Natural. Idéia interessante, mas o sistema de poderes quebrava o jogo rapidamente porque não havia qualquer equilíbrio entre eles.

Tirando isso só aconteceram problemas com jogos em que eu percebi rapidamente que o sistema não funcionava adequadamente para a proposta e jogos que preferi não mestrar porque era óbvio que o sistema não funcionava.

O primeiro caso é o mais comum. Vampiro antigo, Exalted, vários jogos sofrem disso. Quando existe interesse suficiente, eu vou usar de erratas, faqs, sugestões de outros jogadores e house-rules para fazer funcionar (como no Exalted).

No segundo caso, eu procuro outro sistema. É o caso de Scion, onde após o patamar de Hero qualquer um com o mínimo de noção de matemática percebe que o sistema quebra.

Isso tem feito que eu prefira comprar jogos que funcionem melhor dentro de um tema ou gênero específico, porque eles costumam ter regras melhor desenvolvidas pra ele. Tanto que hoje em dia o único sistema genérico que gosto é Savage Worlds, pelo sistema fácil de usar e adaptar.

Edit: Não considero M&M e MHRPG genéricos, mesmo que sejam fáceis de adaptar para outras ambientações, como todo bom jogo de supers.
« Última modificação: Outubro 14, 2012, 03:16:01 am por kimble »
Lido esse ano:
Feng Shui, Wu Xing, Blowing Up Hong Kong, MHRPG Civil War: X-Men, Shadows of Esteren, Dungeon World, 13th Age (Draft), Night's Black Agents, Pendragon 5.1, Legends of Anglerre, Hollowpoint, Planescape (caixa básica), Monsterhearts, Werewolf: DA, Player's Handbook Races: Tieflings, Apocalypse (WtA), Dragon Magazine Annual Volume 1
Atualmente lendo:
Dresden Files (FATE), Fantasy Craft, Mage 2e, In Nomine
Na fila:
REIGN, MHRPG: Annihilation, GoT RPG

Offline Arcane

  • Power Beard
  • [Organização dos PbFs]
  • Fidalgo Burguês Aldeão e Bot
    • Ver perfil
Re:Alguma vez o sistema estragou uma partida pra você ?
« Resposta #5 Online: Outubro 17, 2012, 07:57:09 am »
A resposta é CODA.


As duas primeiras horas de jogo foram tão horríveis que decidimos recomeçar a noite jogando Shadowrun. E não foi simplesmente uma má apresentação do sistema... o livro ficava passando de mão em mão e ninguém conseguia achar fundamento para umas bizarrices que existiam por lá.


Hoje, com mais calma, eu diria que tentaria de novo, mas creio que Iron Heroes se encaixa melhor dentro do cenário de Tolkien.
Somos todos bots!

Offline Lumine Miyavi

  • Multiprocessador Walita
  • Passou da muralha, beyblade estraçalha.
    • Ver perfil
    • Phieluminando
Re:Alguma vez o sistema estragou uma partida pra você ?
« Resposta #6 Online: Outubro 17, 2012, 09:11:07 am »
Daemon sempre foi uma bomba relógio, e a "capacidade" do sistema de crossover inerente no sistema não era nada mais que uma forma de encurtar esse pavio.


Mas como o Kimble falou aí, o suplemento Inimigo Natural é uma das coisas mais borkebradas que eu já vi na vida.

Blog do Lumine, PhieLuminando!
Avatar Atual: Red Mage, (Romancing Saga: Minstrel Song, ps2)

Offline garotovaca [medabot]

  • O Bovino Humano
    • Ver perfil
Re:Alguma vez o sistema estragou uma partida pra você ?
« Resposta #7 Online: Outubro 17, 2012, 11:22:48 am »
Vou endossar coro ao Daemon. Joguei uma vez só, mas tava tão tenso, mas tão tenso que a gente preferiu montar um sistema na hora do que continuar a jogar com ele (estávamos numa chácara e o imbecil aqui achou que seria legal levar só o Daemon).









Offline Smaug

  • [Mensagem pessoal - altere no seu perfil!]
    • Ver perfil
Re:Alguma vez o sistema estragou uma partida pra você ?
« Resposta #8 Online: Outubro 17, 2012, 11:54:17 am »
A coisa só piorou quando a Daemon tentou abraçar o d20 e lançar suplementos que "funcionassem" para ambos os sistemas. Alguém mais se lembra do Grimório e seus rituais descritos as vezes com mecânica d20, outras com mecânica daemon e outras com uma mistura macabra das duas que não fazia o menor sentido?
This happens all the time. No matter how epic the battle, once begun, the thing sounds more or less like a bingo game: People shout out numbers and other people get excited about them.

Offline Arcane

  • Power Beard
  • [Organização dos PbFs]
  • Fidalgo Burguês Aldeão e Bot
    • Ver perfil
Re:Alguma vez o sistema estragou uma partida pra você ?
« Resposta #9 Online: Outubro 17, 2012, 11:55:54 am »
Cheguei a ter Daemon em mãos para conhecer, mas na época eu estava sem tempo de ler mais um sistema. Pelo que parece eu não perdi nada. rs
Somos todos bots!

Offline Lumine Miyavi

  • Multiprocessador Walita
  • Passou da muralha, beyblade estraçalha.
    • Ver perfil
    • Phieluminando
Re:Alguma vez o sistema estragou uma partida pra você ?
« Resposta #10 Online: Outubro 17, 2012, 12:10:37 pm »
Eu lembro do guia de itens mágicos, com coisas equilibradas como "nenhum tiro feito com essa arma erra, e causa +xd6 de dano" ao lado de coisas como "este anel te permite fazer telecinésia em objetos de 200 gramas".

Blog do Lumine, PhieLuminando!
Avatar Atual: Red Mage, (Romancing Saga: Minstrel Song, ps2)

Re:Alguma vez o sistema estragou uma partida pra você ?
« Resposta #11 Online: Outubro 17, 2012, 12:22:49 pm »
Eu tinha um Guia de Armas que tinha coisas como o escudo de ombro (+1 de CA, não tinha o tipo de bônus. Não atrapalhava quem usava duas armas ou armas de duas mãos) e a espada bárbara (uma espada longa que tinha 2d8 19-20 x3, natural, óbvio)

Re:Alguma vez o sistema estragou uma partida pra você ?
« Resposta #12 Online: Outubro 17, 2012, 12:53:08 pm »
Eu confesso que achei Daemon interessante da primeira vez que eu vi. Até descobrir que ele era uma cópia descarada (e piorada) do Runequest. Daí eu conheci o original e vi o quão BOSTA o Daemon era em comparação.  XD
The traditional playstyle is, above all else, the style of playing all games the same way, supported by the ambiguity and lack of procedure in the traditional game text. - Eero Tuovinen

Re:Alguma vez o sistema estragou uma partida pra você ?
« Resposta #13 Online: Outubro 17, 2012, 01:25:22 pm »
Citar
A resposta é CODA.


As duas primeiras horas de jogo foram tão horríveis que decidimos recomeçar a noite jogando Shadowrun. E não foi simplesmente uma má apresentação do sistema... o livro ficava passando de mão em mão e ninguém conseguia achar fundamento para umas bizarrices que existiam por lá.


Hoje, com mais calma, eu diria que tentaria de novo, mas creio que Iron Heroes se encaixa melhor dentro do cenário de Tolkien.

Como alguém que mestrou algo de CODA, eu posso te assegurar que o sistema dele é um caso curioso - ele não é tão ruim assim (bom, na verdade ele é, mas sua comunidade de fãs consertou alguns detalhes bem importantes) - mas tem uma organização horrenda e quebrar aquele RPG é algo tão fácil que eu precisei colocar uma lista de combinações que deveriam ser evitadas de qualquer jeito (e proibir algumas "Habilidades de Ordem").

Offline Smaug

  • [Mensagem pessoal - altere no seu perfil!]
    • Ver perfil
Re:Alguma vez o sistema estragou uma partida pra você ?
« Resposta #14 Online: Outubro 17, 2012, 01:29:15 pm »
Tem link pra esses consertos do CODA? Eu realmente gosto do sistema, apesar de ter jogado pouco ele...
This happens all the time. No matter how epic the battle, once begun, the thing sounds more or less like a bingo game: People shout out numbers and other people get excited about them.